Discentes de Direito promovem ação solidária em prol de associação de autistas

Aconteceu na manha desta segunda-feira 26 de setembro de 2017 na Associação dos Pais e Amigos dos Autistas de Cajazeiras e Região Circunvizinhas (APAA) , localizada na Travessa São Vicente de Paula nº 56 no Centro de Cajazeiras – PB, um momento de confraternização em seguida um café da manhã para todas as mães e crianças participante da APAA, realizado pela turma do 5º período do Curso de Direito da FAFIC “Os Legalistas”.

 

Segundo um dos discentes a mesma destaca a importância do conhecimento sobre o Autismo, e do apoio a Associação, “melhor qualidade do ser humano é fazer o bem”.

Em seguida aconteceu uma roda de conversa de todas as mães presentes com a Assistente Social do INSS de Cajazeiras Andreia Beatriz falando sobre o BPC.

Foi um momento muito importante para o fortalecimento da causa do Autismo, pois os nossos filhos ainda sofrem muito com o preconceito e exclusão, por eles terem alguns comportamentos diferenciados de outras crianças. Mas na associação encontramos esse apoio e percebemos que não estamos sozinhas nessa luta (relato de uma mãe).

Em nome de todas as mães agradecemos imensamente o apoio e a solidariedade dos alunos do 5º período do Curso de Direito da FAFIC “Os Legalistas” e a Assistente Social do INSS de Cajazeira.

Pois conhecer a fundo uma pessoa com Autismo pode trazer um aprendizado especial para nossas vidas. Assim como um diamante precisa ser lapidado para brilhar, uma pessoa com Autismo merece e deve ser acolhida, cuidada e estimulada a se desenvolver.

TRANSTORNOS DO ESPECTRO AUTISTA

Os Transtornos Globais do Desenvolvimento, dos quais o autismo faz parte, associado ao transtorno do neurodesenvolvimento mental ou comportamental com ou sem comprometimento da linguagem (DSM-V-F84.0,2012-2013). A partir da noção de que este fenômeno envolve uma série de fatores, intra e extrafamiliares os quais afetam a todos, sua compreensão não pode ocorrer com base em relações lineares entre possíveis causas e seus efeitos, de forma reducionista. Sendo suas causas ainda e cura desconhecidas.

As crianças com autismo normalmente tem dificuldade em: brincar de faz de conta, interações sociais, comunicação verbal e não verbal, faz movimentos corporais repetitivos, são atraídos por objetos circulares, brincam sempre empilhando seus brinquedos e sempre repete palavras ou trechos memorizados.


Assessoria.